Revelação

Para você que não consegue superar a partida…

Não se pode amar pelo outro.

Algumas “criaturas” são como folhas de bananeira, mudam conforme o vento…

Às vezes, o coração aperta, parece que vai explodir e, de um momento para o outro,  percebe-se que já não é amado como outrora.  O compromisso e dedicação do outro, perdem força e depois cessam.  Não adianta recordar planos, promessas feitas, nada restou, a não ser uma grande saudade dos bons momentos.

A indiferença traz conforto para alguns e talvez este sentimento seja cômodo para justificar algo que não existe mais. A frieza torna-se companheira constante para quem toma decisões súbitas.

Chore, lamente tudo que tiver que lamentar, adormeça pensando no amor esvaído e, ao acordar, encare uma nova vida.

Deixe o passado recente no lugar que está.

Supere tudo; a vida segue!

Sempre haverá, em algum lugar do mundo, alguém disposto a valorizar seu jeito  – aquele que traz na bagagem, as mais simples atitudes, como o afeto,  a verdade, o respeito e a admiração.

7 Comentários

  1. Isa

    Parabéns. Este posto me ajudou bastante

  2. Anna Paula

    Nem sempre é fácil lidar com a indiferença. A Ingratidão traz dor, mas o passado deve ficar no passado.

    • É verdade, o passado no passado. Feliz daquele que sabe ser grato! Muito obrigada por estar aqui!! Minha eterna gratidão por existir!!

  3. Tayla Kariane

    Que lindo…
    sempre haverá, em algum lugar, uma alma que a nós se ligará… eu creio, eu confio e eu entrego. Um beijo grande amiga. ❤️

    • Amada amiga, tenho certeza que neste “mundão de Deus” as revelações acontecem sucessivamente! Desejo-lhe o melhor!! Beijo de luz!

    • Amor de amiga, Deus reservou o melhor para você! Tenho certeza!! Amo-te até o infinito!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code