Ponto Especial

No ano de 1912, um psicólogo alemão, chamado Stern , apresentou a primeira inteligência, o termo “QI” (quociente de inteligência) para medir o nível mental do indivíduo, no qual inseriu o teor de uma medida estabelecida através de testes cognitivos. No inicio do século XX era a medida mais indicada para avaliar a inteligência humana.

Em 1990, a expressão “Inteligência Emocional”, a segunda inteligência, tornou-se muito conhecida. Livros, programas de televisão, empresas e escolas, não abordavam outro assunto. “O interesse da mídia foi despertado pelo livro “Inteligência Emocional”, de Daniel Goleman, redator de Ciências do The New York Times, em 1995. A tese de Goleman: não bastava a pessoa ser um gênio se não soubesse lidar com as emoções“. Estabeleceu-se aí o “QE”(quociente emocional).

Neste movimentado século XXI, um novo estudo se despontou, o quociente espiritual, a terceira inteligência, através do qual se pode compreender o significado e a existência da vida humana. Esta tese  foi defendida por Danah Zohar, americana, profunda conhecedora da filosofia, da psicologia e da física quântica, que em parceria com seu marido, o psiquiatra Ian Marshall,  escreveram: “A Inteligência Espiritual”. Neste livro abordam a existência de um ponto no cérebro humano, nos lobos temporais  – áreas de variadas funções: efetuam reconhecimentos visual e auditivo. Associado à memória e às emoções – um Ponto Especial, um setor do qual irradiam as experiências espirituais, ao qual Danah deu o nome de “Ponto de Deus”, um “QS” (Spiritual Quocient).

Este Ponto Especial aumenta a nossa percepção, a nossa criatividade, enfim, amplia o nosso horizonte e está ligado “à necessidade humana de ter propósitos na vida”. “Ter alto quociente espiritual (QS) implica ser capaz de usar o espiritual para ter uma vida mais rica e mais cheia de sentido, adequado senso de finalidade e direção pessoal”.

Desta forma, os três quocientes são extremamente importantes: QI, QE e QS, sendo que estes dois primeiros quocientes, não teriam relevância, se desmembrados do último quociente.

Que tenhamos dias melhores e repletos de paz, saúde, amor e luz!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code